1

Até quando terei de estar, dia após dia,metido comigo mesmo, acumulando a tristeza no meu coração? Até quando é que o meu inimigocontinuará a ter vantagens sobre mim?

2

Repara na minha situação e responde-me, Senhor meu Deus. Dá-me a tua luz, para que eu não morra nas trevas. E para que o meu adversário não diga: Já o tenho na mão,

3

e para que os que me querem malnão possam alegrar-se por eu ter caído.

4

Hei-de cantar ao Senhor,porque tem sido muito o bem que me tem feito.