1

A Jeová, na minha tribulação, clamei, E ele me respondeu.

2

Livra, Jeová, de lábios mentirosos a minha alma, E da língua enganadora.

3

Que te será dado, e que te será acrescentado, Língua enganadora?

4

Agudas setas do valente, Juntamente com carvões de giestas.

5

Ai de mim, que peregrino em Meseque, E habito entre as tendas de Quedar!

6

Há muito que a minha alma habita Com aquele que odeia a paz.

7

Eu sou pela paz: Mas quando falo, eles são pela guerra.